Idolatria, imagem de escultura Você acredita em imagens de escutura? Será que elas ouvem suas orações? Descubra aqui!

| H o m e | M i n i s t é r i o | P a s t o r | C u l t o s | P e d i d o . de . o r a ç ã o | C o n t a t o s
João 14:6 | Jesus disse: "Eu sou o Caminho, a Verdade e a Vida." Envie um e-mail para o Pastor Sérgio Adicione esta página no seu Favoritos

Menu

Clique e leia mais de 200 estudos bíblicos








ATOS DOS APÓSTOLOS / CAP. 21

ATOS 21: 1 – Aqui podemos observar que o escritor usa o plural, então podemos entender que aqui ele não está falando especificamente do Apostolo Paulo, mas sim de um grupo de pessoas. Quando estudamos Atos dos Apóstolos ou as cartas do Apóstolo Paulo, temos a visão de uma só pessoa. Mas Paulo não fez a obra sozinho, Paulo tinha uma equipe, existia um grupo de pessoas que o acompanhava Cl. 4: 7 – 18; IITm. 4: 9 – 13.

Na obra de Deus ninguém pode andar sozinho Mt. 18: 20; Mc. 6: 7. NA obra de Deus não a espaço para alguém fazer tudo sozinho, ou decida tudo sozinho. Ex. 18: 1 – 27; Pv. 11: 14.

ATOS: 21: 2 e 3 – De Mileto os viajantes navegaram “Caminho direito a Cós e no dia seguinte a Rodes de onde passaram a Pátara”. Na praia Sudoeste da Ásia Menor, onde achando um navio que ia para Fenícia, o texto não diz, mas podemos entender que por onde estes homens passavam cheio do Espirito Santo eles davam testemunho do Senhor Jesus Cristo. Mt. 10: 32; Atos 1: 8.

ATOS 21: 4 – Devemos observar que a intenção do Espirito Santo não era de impedir Paulo de ir a Jerusalém. Atos 9: 15, 16; Atos 21: 10 e 11. Mas, estes homens tinham revelações e profecias foram informados pelo Espirito Santo de tudo o que esperava Paulo em Jerusalém. E pela vontade humana tentaram impedir Paulo de se dirigir para lá, mas Paulo sabia que era da vontade de Deus que ele fosse para Jerusalém. Atos 21: 13 e 14; Atos 23: 11.

ATOS 21: 5, 6 – Aqui podemos ver bem em que era estruturada a igreja de Atos dos Apóstolos: ORAÇÂO. Tudo era feito através da oração, era oração no entrar e no sair. Its. 5: 17; Mt. 26: 36 – 41.

ATOS 21: 7 – 9 – Prosseguindo sua jornada rumo ao Sul, os viajantes chegaram a Cesárea terra de Felipe Mt. 16: 13. E entrando em casa de Felipe, o evangelista. Atos 8: 4 e 5. Felipe era Evangelista porque pregava a Cristo. A obra de um Evangelista é pregar Cristo, se alguém diz ser evangelista, mas não prega Cristo, não sabe nada sobre Cristo e não têm o poder de Cristo Atos 8: 5 -8 esta pessoa vai me desculpar ele pode ser qualquer coisa, mas evangelista ele não é. Outra observação: Evangelista é Dom. Ef. 4: 7 -11; IITm. 4: 1 – 5; ITm. 4: 14 – 15.
Evangelismo de rua, entregar panfleto é para todos, não tem nada a ver com o Ministério de Evangelista. Mc.16:15
Outra coisa que podemos observar no texto Felipe tinha quatro filhas que profetizavam o texto não diz que elas eram profetas, mas sim que profetizavam. Elas tinham o Dom espiritual de Profecia. ICo. 12: 3 – 10 e não o Dom Ministerial de profeta Ef. 4: 8 – 11.
No texto  versículo 8 observamos  que Felipe era um dos sete escolhido para o diaconato, ou seja, Felipe antes de ser Evangelista ele foi diácono Atos 6: 1 – 5. Começar por cima e não por baixo e o pensamento hoje, Muitos se fazem evangelistas, não esperam o chamado, não passam pela experiência de ser primeiro obreiro, diácono, fazem curso aprendem um pouco e já saem por ai pregando e dizendo ser evangelista. Mas o verdadeiro evangelista espera a hora e o tempo determinado por Deus Ec. 3: 1; Pv. 13: 7.
ATOS 21: 10 – O projeto de Paulo e da sua equipe não era ficar muito tempo naquele lugar, mas não teve outro jeito o Espirito Santo Fez com que eles ficassem mais tempo do que eles desejavam. Deus queria que eles recebessem a profecia de um profeta por nome Agabo que iria chegar exclusivamente para entregar esta profecia para o Apostolo Paulo. Am.3:7
Questionamos muitas vezes o tempo, a hora, muitas vezes o culto que termina mais tarde, ficamos impaciente queremos que acabe logo, mas se faz necessário. O tempo a hora pertencem a Deus, para recebermos algo da parte de Deus precisamos esperar um pouco mais Sl. 27: 14; Tg. 5: 11.

ATOS 21: 11 – Aqui vemos a convicção do profeta nas suas palavras ele diz: isto diz O Espirito Santo: o verdadeiro profeta tem comunhão com o Espirito Santo Jõ. 14: 26 o verdadeiro profeta fala movido pelo Espirito Santo Atos 21: 17 – 33; Amós 3: 7; Nm. 23: 19; Dt. 18: 21 e 22.

ATOS 21: 12 – 13 – O amor daquela gente pelo apostolo Paulo era grande, eles pela sua natureza humana não queriam que nada acontecesse com o Apostolo Paulo. Mas Paulo tinha um chamado, tinha uma missão, e Paulo sabia que o trabalho a missão a obra que Deus tinha colocado sob sua responsabilidade tinha que ir a te o fim, nem que para isto ele tivesse que perder a própria vida, como de fato ele perdeu. MT. 16: 24 e 25; Mc. 8: 35.

ATOS 21: 14 – Eles entenderam que a vontade de Deus é soberana, entenderam que Deus está no controle. Eles entenderam que os planos os desígnios os projetos a vontade de Deus não podem ser impedidos. Is. 43: 13; Jó 42: 2.

ATOS 21: 15 – 16 – Aqui escritor  Lucas, Paulo e toda a sua equipe e mais alguns que se juntaram a eles chegam a Jerusalém, Paulo chega para ser preso, ele chega para cumprir as Profecias Mt. 23: 37; Atos 23: 11; Atos 9: 1 – 16.

ATOS 21: 17 – Logo que Paulo chega é só alegria,  é assim mesmo os primeiros dias são de alegria, não è assim com o novo convertido mas logo o novo convertido vai aprendendo a Palavra, aprendendo sobre o Espirito Santo vai se tornando mais espiritual e vai se aproximando mais de Deus. Ai ele vai percebendo que o caminho é bem mais difícil do que ele imaginava. MT. 7: 13 e 14; Jõ. 17: 11 – 14; IITm. 3: 12.

ATOS 21: 18 e 19 – Paulo faz o que é de costume, vai à casa de Tiago (irmão do Senhor Jesus) e não o irmão de João, pois este foi morto em Jerusalém logo no começo da igreja Atos 12: 1 e 2. Este Tiago escreveu a carta. Paulo também se reuniu com os anciãos, e mais uma vez Paulo relata com detalhes tudo o que ele fez movido pelo Espirito Santo e das maravilhas que Deus tinha feito através dele Atos 1: 8; Rm. 15: 15 – 21.

ATOS 21: 20 – Era notória a obra de Deus através do Apostolo Paulo, milhares de judeus: pela Ásia e Europa aceitavam Jesus e abandonavam os rituais judaicos. Gentios pelo mundo todo  ouvia a Palavra e abandonavam as idolatrias e as religiões. Rm. 10: 8 – 13; Atos 16: 31.

Atos 21: 21 – Só que em Jerusalém e em algumas regiões onde Paulo andou pregando existiam que queriam aceitar a fé, mas não queriam abandonar a Lei, como nos dias de hoje os católicos carismáticos querem aceitar a mesma fé dos crentes, querem ter um Jesus vivo, querem receber o Espirito Santo, mas não querem abandonar os seus ídolos, os seus cultos a Maria (ver estudo: Ídolos e imagens de escultura). Paulo era um homem da Verdade, chamado pela Verdade e pregador da verdade. Atos 9: 1 – 6; Jõ. 8: 32; Jõ. 14: 6; Jõ. 17 – 17; ICo. 2:1-5.

Homens acostumados com a religião, firmados na religião que acreditam na salvação pelas obras, que acreditam na salvação pelo conhecimento humano, pela tradição, jamais vão aceitar a salvação pela Verdade Jõ. 3: 16; Atos 4: 12; Fp. 2: 9 – 11.
ATOS 21: 22 – Os zunzuns, a fofoca a contenda a respeito da pregação do apostolo Paulo já estava formada ICo. 2: 1 – 5. Já havia um plano para prender e matar o apostolo Paulo em Jerusalém Atos 21: 10 – 13.
ATOS 21: 23 – 24 – Aqui vemos um grande exemplo de sabedoria humana IICo. 13: 8 de alguma forma a igreja de Jerusalém procurou agradar os judeus místicos (que aceitavam a fé, mas não queriam abandonar a Lei) fazendo passar pelos rituais judaicos e as ordenanças da Lei aqueles que estavam com o Apostolo Paulo acreditando que com isto convenceriam os judeus de que Paulo não pregava contra a Lei de Moisés Gl. 3: 10 – 14; Hb. 7: 19; Rm.10:1-4

ATOS 21: 25 – A igreja de Jerusalém queria viver debaixo de jugo. Para os gentios a humildade e a simples Fé em Cristo Jesus e uma doutrina leve era suficiente, mas para eles não, para a igreja judaica a morte o sangue a cruz a ressurreição e a ascensão de Cristo ao Céu não era suficiente, eles queriam mais muito mais. Mt.27:11-25. Veja o estudo “Uma vez salvo, salvo para sempre. Verdade ou mentira”.

ATOS 21: 26 – Paulo era judeu, filho de judeu, doutrinado pelas doutrinas judaicas, mas tinha encontrado a Verdade Gl. 1: 6 – 16. O seu conceito a respeito da religião judaica e seus ensinos tinham mudado Fp. 3: 1 – 8. Então o que levou Paulo a praticar os rituais e as ordenanças da Lei? Medo não foi Atos 21: 10 – 13 talvez a tentativa de salvar alguns judeus pela verdade Rm. 11: 8 – 14; ICo. 9: 19 – 23.

ATOS 21: 27 – Se não fosse para cumprir as profecias, este não era um bom momento para Paulo ir a Jerusalém. Jerusalém estava nesta época regurgitando de adoradores vindo de muitas terras, entre eles estavam os judeus da Ásia inimigos declarados do Apostolo Paulo, servos de Satanás, inimigos da Cruz. Atos 14: 19; Fp.3:2e18. Rm. 2: 17 – 24.

ATOS 21: 28 e 29 – O nome de Jesus Cristo as doutrinas os ensinamentos de Cristo vão contra qualquer lei, qualquer doutrina baseada em preceitos humanos. Jõ. 7: 11 – 18.Rm.1:16,17
As doutrinas e os ensinamentos de Cristo não fazem acepção de pessoas, não tem preconceito quebra qualquer barreira cultural e social Atos10:24-48; Jõ. 7: 24; Dt. 10: 17; Jó 32: 21; Jó 34: 19; Atos 10: 34 e 35; Jr. 9: 23, 24.

ATOS 21: 30 e 31 – Este povo estava completamente inflamados por Satanás, fora de si pois o natural seria sendo eles povo escolhido por Deus, deixar Deus julgar se Paulo era enviado por Deus e se os ensinos era de Deus ou não.Atos.5:34-39 Toda decisão movida pelo desejo humano, pelo conhecimento humano pela vontade da carne não vem de Deus Lc. 23: 14 – 23; Jr. 17: 5; Rm. 8: 8.

ATOS 21: 32 – Este povo estava tão louco tão fora de si que se não fosse a chegada do comandante, soldados e centuriões eles teriam matado  Paulo Jõ. 8: 44; Atos 7: 54 – 60; Lc. 23: 33 e 34.

ATOS 21: 33 – 36 – O comandante queria saber o que Paulo tinha feito, porque aquele povo o odiava, porque aquele povo o queria morto Jõ. 17: 14; Mc. 13: 10 – 13. Ninguém sabia direito porque Paulo tinha sido preso, nem mesmo os judeus tinham um motivo concreto para acusar Paulo. Somente Satanás que por traz daquele povo queria impedir a divulgação do Evangelho com sua Mensagem da Cruz. Cl.2:4-15; Ef. 6: 10 – 12.

ATOS 31: 37 – 40 – Paulo queria falar, mas o comandante pensando que Paulo iria falar no idioma grego perguntou se ele sabia o grego , pois a maioria daqueles judeus eram gregos, mas Paulo iria falar na língua natural dos hebreus, pois Paulo era judeu, filho de judeus, seguidor das doutrinas judaicas estudou as leis e os ensinamentos judaicos. Paulo usou de sabedoria Dn. 5: 14. Pois se ele não fosse hebreu e não soubesse falar o hebraico, ele não teria como se defender e as suas chances de sobreviver seria muito pequena, e falando a língua dos judeus ele teria como se defender perante os judeus. Mc. 13: 11; Jõ. 14: 26; Jõ. 15: 26 e 27; Atos 23: 11; Atos.1:8 
Pr. Ev. Sérgio Lopes » Voltar para o mergulhando

Leia os outros capítulos: 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18
19 20 21 22 23 24 25 26 27 28                          
dizimo


BUSQUE NO SITE:




DEIXE SEU RECADO:



PARTICIPE DA NOSSA COMUNIDADE NO ORKUT:

Participe de nossa comunidade no Orkut.

Amazing Counters

Já visitaram


© 2009 PALAVRAS DA VIDA - SUA IGREJA NA INTERNET | Todos os dirseitos reservados |